Sucre – qué decir?

29ago10

Zero week passou sem maiores malestares pela altitude. Uma dor de cabeça que só se noticiava pelo silêncio e cansaço.

Um vôo rápido por área montanhosa (la cordillera) me trouxe a la cálida Sucre.  Comprar jornal e ir almoçar na Recoleta, uma da partes altas da cidade – depois descobri que a igreja de lá é uma das muitas que fazem uma cadeia lógica para os loquitos (o sea, los sucrenses)… e em parte é uma cadeia subterrânea, com túneis que interligam igrejas, mas também algumas casas, aha! Também visitamos o Parque Bolivar no extremo oposto da Recoleta.

Nosso hotel está a uma quadra da praça principal, no casco viejo, e foi minha casa por uma semana até que os classificados me levaram a uma boa casa para persona sola o matrimonio sin hijos. Na primeira noite um jantar com outra cooperante, no café da Aliança Francesa – e um vino da casa, boliviano, e riquísimo.

Domingo:  a melhor dica:  seguir usando converses, que os lustrabotas não te darão ni pelota. Joy Ride is a must here: café, bar, restaurante, boliche (disco). Tanto sol em toda uma semana de frio, resultó em uma marquinha…dica 2: use protetor solar, o meu é 55 agora.

Na semana comecei a trabalhar e fiz um minitour por outros restaurantes (e por casas en alquiler). Foi uma semana curta, com recém fundado feriado no dia 22 de janeiro, e fomos a bailar (en Joy Ride), depois de unos tragos em Florin. Tudo isso a uma quadra da praça principal, que por estes tempos de carnaval são tomadas por pandillas atirando balões com água, por doquier en toda la gente (y autos).

Anúncios


One Response to “Sucre – qué decir?”

  1. de janeiro/enero


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: